Crise na Califórnia pode afetar membros no Natal

Antes do Covid, era incomum mais de um navio de carga na espera para atracar em um dos maiores portos da América – na segunda-feira, havia uma fila de 65 navios!


Os portos de Los Angeles e Long Beach, na Califórnia, movimentam quase metade de todos os contêineres de carga que entram no país.
O enorme acúmulo de pedidos está relacionado ao aumento da demanda por importações com a reabertura da economia dos EUA – e é visto como o mais recente sinal de uma ruptura na cadeia de suprimentos que está atingindo os EUA.


Os varejistas e fabricantes americanos se apressaram em fazer pedidos e reabastecer seus estoques, mas o sistema global de remessa não acompanhou.


A US Toy Association, que representa 950 empresas de brinquedos com presença nos Estados Unidos, alertou que a crise na Califórnia pode afetar muitos de seus membros durante o Dia de Ação de Graças e o Natal.
Seus membros vendem três bilhões de brinquedos por ano – 85% dos quais vêm da China.

(📷 Mario Tama, PA, Getty)

Via BBC News.

Share the Post:

Leia também